s

01/ 07 /2018

Sete Mandamentos

“Benjamin sentiu um focinho esfregar-lhe o lombo. Era Quitéria. Seus olhos pareciam mais encobertos que nunca. Sem dizer palavra, ela o puxou delicadamente pela crina, levando-o até o fundo do grande celeiro, onde estavam escritos os Sete Mandamentos. Durante um ou dois minutos ficaram olhando a parede alcatroada com o grande letreiro branco. ‘Minha vista está falhando’, ela disse afinal. ‘Mesmo quando eu era moça, não conseguia ler o que estava escrito aí. Mas me parece agora que a parede está meio diferente. Os Sete Mandamentos são os mesmo de sempre, Benjamin?”’ Pela primeira vez Benjamin consentiu em quebrar sua norma, e leu para ela o que estava escrito na parede. Nada havia, agora, senão um único Mandamento que dizia: todos os bichos são iguais, mas alguns bichos são mais iguais que outros” (George Orwell, A revolução dos bichos).

categoria: Citações Literárias s
14/ 05 /2017

Saber

“Quem quer saber tudo acaba por saber muito pouco acerca de muita coisa, porque não é possível saber tudo com profundidade. É dizer: acaba por não saber praticamente nada” (J. Souto Maior Borges)

categoria: Citações Literárias s
27/ 07 /2016

Sol

“O sol nasce todos os dias. Mas espero tranquilo, na minha total certeza do impossível, que o sol não nasça um dia. E nesse dia aparecerão cientistas declarando: Bem, verifica-se que, de um bilhão de anos em um bilhão de anos, o sol não nasce um dia” (Millôr Fernandes)

categoria: Citações Literárias s
07/ 04 /2015

Sangue

“O sangue estancou nas minhas gengivas, mas alguns molares no lado direito me parecem bambos. Fecho os olhos e vejo diamantes. Ouço um gemido rouco que não sei se é meu” (Chico Buarque de Holanda, Estorvo).

categoria: Citações Literárias s
15/ 05 /2014

Sorriso

“Tinha sido apenas um sorriso, e nada mais. As coisas não iam se ajeitar por causa disso. Aliás, nada ia se ajeitar por causa disso. Só um sorriso. Um sorriso minúsculo. Uma folhinha em um bosque, balançando com o movimento de um pássaro que alça voo. Mas me agarrei àquilo. Com os braços bem abertos. Porque, quando chega a primavera, a neve vai derretendo floco a floco, e talvez eu tivesse simplesmente testemunhado o primeiro floco que se derretia” (Khaled Hosseini. O caçador de pipas).

categoria: Citações Literárias s
11/ 09 /2013

Silêncio

“O silêncio predispõe. O silêncio aciona um estado de alerta, para o bem ou para o mal. O silêncio acumplicia. O silêncio envolve. O silêncio acoberta” (Gabriel Chalita).

categoria: Citações Literárias s