Poemas Tentados - Aprendizado

21/ 10 /2017

Aprendizado

Aprendo com meus erros,

no mesmo credo,

na mesma dor,

na mesma lâmpada

que acendo no meu interior;

aprendo com meus erros,

múltiplos, imensos,

com eles muito aprendo;

com o leite derramado,

com o cérebro perfurado

por infinitas ideias perpassadas,

motins do tempo sangue suga

de inexperiências e apontamentos;

releio do relento o rol de lições,

esperas, esforços, reflexões,

não ser traiçoeiro, saber decorar a paz,

e tentar retirar esporas escondidas

dos desdouros refletidos nas sombras

das tentativas e dos movimentos;

aprendo com degredos e segredos,

com minhas ignorâncias e reiterações

e me alinho curvo à sucessão errática

de força, fraqueza, coragem e medo.

vso

categoria: Poemas Tentados